Esse espaço foi criado para divulgarmos crônicas sobre o Flu, tanto de escritores famosos quanto de iniciantes. Não deixe de conferir no final da página as crônicas anteriores.


MD

Amigos,
Ainda não recuperado totalmente do fla x FLU , me vejo diante de um novo desafio...
Para muitos será apenas o primeiro jogo do campeonato e terá pouco valor.
Para mim não.
Primeiro porque todos os jogos possuem seu valor. Seu significado. Sua vida própria !
Segundo porque será em maio.
Num domingo.
No segundo domingo !
Para alguns , o dia das mães significa almoço !
Significa dar um presente.
Ou apenas um abraço.
Pra mim , significa algo um pouquinho diferente.
Me faz lembrar um certo domingo perdido nas entranhas de minha memória.
Uma certa tarde onde fui pela primeira vez no Maior do Mundo.
Uma certa arquibancada de concreto com muita gente estranha em volta.
Muita confusão , uma atmosfera repleta de talco onde eu mal conseguia ver o campo.
Muitas bandeiras e pessoas gritando alucinadamente algumas palavras que eu não entendia.
Foi a primeira vez que vi o Fluminense em campo.
Que me desculpe o Paulinho , mas foi um rio Tricolor que passou em minha vida.
E essa mulher. Esse ser humano que , pela ausência de meu pai , foi a referencia de muita coisa na construção de quem sou hoje. Essa mulher me apresentou ao que se tornaria minha eterna paixão.
Para muitos, se espelhar no pai ou ganhar de herança da familia a sua paixão clubística é absolutamente natural.
Mas.
Ter na figura da mãe. Ter na presença , mesmo de forma sempre elegantemente discreta , o exemplo de escolha , foi para mim algo muito especial.
Não me lembro de outra ocasião onde compartilhássemos o mesmo estádio , mas sempre , sempre que havia jogo , lá estava seu telefonema pra compartilhar a alegria ou consolar a dor.
Depois de muitos jogos, nada era mais emblemático do que voltar do Maracanã e ficar minutos como se fossem horas , descrevendo a ela cada lance. Cada jogada . Cada emoção vivida e sentindo na sua sempre total atenção, o brilho de seus olhos e seu carinho ímpar.
No jogo de estreia do Engenhão , antes de irmos ao estádio , passamos em seu leito do hospital e recebemos sua energia e apoio. Foi a ultima vez.
Durante anos, ao fim de cada jogo, sinto muito a falta de suas palavras mas sei também que de onde habita , sua luz brilha nas cores verde, branca e grená.
Sei que para muitos isso é apenas um texto sem grande importância. Sem grande conteúdo ou assunto.
Mas para mim foi uma maneira de , mesmo antes do jogo , demonstrar o quanto foi e continua sendo importante esse segundo domingo de maio. E ainda mais com uma peleja da seleFLU !
ST
Julio Drummond

Julio Drummond
Fonte: ddjr2003@hotmail.com

 
CRÔNICAS ANTERIORES:

Dia 13 - Julio Drummond - 14/08/2017
AxeFLU - Julio Drummond - 07/07/2017
Crônica sobre o título de 1995 - Joaci Tavares de Araújo Júnior - 01/07/2017
Perdas & Ganhos - Julio Drummond - 01/07/2017
Desclassificação ? - Julio Drummond - 07/06/2017
A batalha - Alexandre Pardal - 05/05/2017
Ser Tricolor - Julio Drummond - 02/05/2017
Salve Jorge - Julio Drummond - 02/05/2017
Da Angústia a Glória - Joaci Tavares de Araújo Júnior - 02/05/2017
Maracanã - Julio Drummond - 19/04/2017
Betales I - Julio Drummond - 08/04/2017
fla x FLU - Julio Drummond - 05/04/2017
Nice to meet you - Julio Drummond - 05/04/2017
2017 - Julio Drummond - 13/02/2017
2016 - Julio Drummond - 16/01/2017
9 de julho - Julio Drummond - 02/08/2016
Shopping ? - Julio Drummond - 28/07/2016
Único e Indivisível - Julio Drummond - 04/07/2016
Xadrez & Dama - Julio Drummond - 23/02/2016
Água - Julio Drummond - 01/02/2016
1904 - Julio Drummond - 17/08/2015
Roberto - Julio Drummond - 17/08/2015
Fifty - Julio Drummond - 10/07/2015
KW - Julio Drummond - 10/07/2015
beleza geral - Julio Drummond - 10/07/2015
Grão ou Gota ? - Julio Drummond - 12/02/2015
Será o inicio do fim ??? - Julio Drummond - 04/02/2015
Mercenários ou Mercadores - Julio Drummond´ - 07/12/2014
Cinquentenário - Julio Drummond - 27/10/2014
     (1)  2  3  4  5  6  Próxima  Última 
  


Copyright (c) 1998-2017 Sempre Flu - Todos os direitos reservados