Colunistas -

Vamos Curtir A Boa Fase Do Time! (29/05/2018)

É preciso aproveitar o bom momento e curtir muito o jovem time do Fluminense, porque não sabemos quanto tempo vai durar a boa maré. Claro que há o risco de venda de jogadores para a Europa, mas há principalmente o risco-diretoria, o mais ameaçador.

Os salários finalmente estão em dia, graças ao aumento da dívida financeira, que é absurdamente alta. E com juros. Mas não será possível tomar empréstimos mensais para pagar salários. Isso é Dilma Rousseff, é crime de responsabilidade.

Fiquei todo animado com a venda do Fabinho do Monaco ao Liverpool, mas alegria de pobre dura pouco, como dizia minha mãe. Segundo os sites esportivos, o Flu vai ter direito a apenas 2 milhões de reais, uma mixaria. Não paga nem um mês de folha.

Vamos então torcer para que Marlon, Kennedy e Richarlisson sejam revendidos também.

Uma amiga me deu um puxão de orelhas no Facebook: “como é que você fica aí falando de Fluminense, quando o país está em colapso?” Ela tem razão. Mas o Fluminense é uma preocupação constante de todos nós, tricolores, é como se fosse uma parte da nossa família em risco.

A crise é terrível também para o futebol. Vai arrasar com a tímida recuperação econômica do país, vai aumentar a inflação que estava sob controle, provocar mais desemprego e fazer sumir de vez os investimentos. Ou seja, desastre em todos os setores.

Por isso, vamos desfrutar do bom momento do time em campo. Nem mesmo uma possível derrota para o Grêmio nesta quarta-feira nos deve desanimar. Seria um resultado absolutamente normal. Mas eu acho que dá para vencer.

Como foi normal a derrota pro Curintcha na primeira rodada. Injusta, mas normal, previsível. O que não foi normal foi perder para o Botafogo, fraquíssimo, ainda mais da forma como aconteceu. Ou perder o Campeonato Carioca e sua premiação em dinheiro.

Ou sermos eliminados da Copa do Brasil, riquíssima em prêmios, para um time de segunda divisão.

Mas o time parece que aprumou, ganhou mais confiança e espírito guerreiro. E alguns jogadores estão no melhor de suas carreiras, com os jovens se afirmando. Pedro é o melhor centro-avante em atividade no Brasil hoje, e nem mesmo boa parte da nossa torcida acreditava nele.

Aliás, estou devendo um artigo sobre o Pedro. Ele tem algumas características preciosas de certos atacantes que fizeram história no país – e até de alguns dos grandes camisas 9 do mundo. E tem muito potencial para evoluir bastante.

Volto ao assunto.

-


 
Desculpe, não há artigos no momento.
  


Copyright (c) 1998-2018 Sempre Flu - Todos os direitos reservados