Colunistas -

Tormentos De Uma Quarta-feira (12/04/2018)

Abel não tem razão ao reclamar da torcida do Fluminense. Ao longo do primeiro tempo, todos tínhamos a impressão que o resultado iria ser péssimo, tal a pasmaceira do time diante de um adversário do mesmo nível da segunda divisão do Rio de Janeiro. Três zagueiros e dois volantes defensivos?

Acho que todo torcedor do Flu, mesmo o mais intransigente e chato, aceita que o time jogue com três zagueiros no Campeonato Brasileiro contra um Curintcha, por exemplo, ou quando jogar fora de casa contra, digamos, um grande argentino, nesta Sulamiranda. Mas no Maracanã, contra o Potosi?

E sabendo que teríamos que marcar muitos gols, porque lá em cima do morro a coisa vai ser complicadíssima, pela falta de oxigênio? Potosi é a cidade mais alta do mundo com estádio de futebol.

Ora, Abelão, vamos acordar para a vida! O que vimos no primeiro tempo foi Renato Chaves e Richard apenas atrapalhando o time, sem função em campo.

Pablo Dyego vem pedindo passagem desde o Carioca, e teria sido um bom momento para testar se ele funcionaria com outros dois atacantes, em um jogo contra um adversário que briga com a bola. Por que não escalá-lo de inicío em lugar de Renato Chaves?

E por que a demora pra mexer no time no segundo tempo? Só aos 23 minutos Abelão acordou! A torcida tinha o direito de protestar, mesmo com a velha tese prevalente de que “é melhor deixar para vaiar no fim do jogo”. Era uma tentativa desesperada de influir, obrigar o técnico a consertar o erro.

O adversário é muito fraco, mas a classificação é complicada por causa da altitude. Nossos jogadores vão abrir o bico, e eu não acredito na fisiologia do Fluminense para enfrentar o problema. Gostaria muito, mas não acredito, sinceramente. Nosso clube nos transmite a impressão de que tudo ali é mal feito, improvisado, pobre de recursos.

Sobre as contratações, eu levo mais fé no João Carlos do que no Kleber. E por que não mandar Renato Chaves para a Ponte em troca do tal Luan, em vez de Reginaldo? Sim, o Chaves participou dos três gols contra o Potosi, mas e a participação dele nos gols que sofremos em jogos decisivos?

E o meia de criação? Sornoza está longe de ser o ideal, só que nem reserva ele tem! Mas o maior reforço seria pagamento em dia dos salários e das obrigações com os profissionais.

Tudo indica, porém, que o mês de março já está atrasado. Vai começar tudo de novo...

-


 
Desculpe, não há artigos no momento.
  


Copyright (c) 1998-2018 Sempre Flu - Todos os direitos reservados