Colunistas -

Buscando O G-4 (16/05/2016)

Oioi,amores e amoras!

A última vez que postei aqui foi após o título da PRIMEIRA LIGA. Jogo muito bom, valendo taça, time determinado, vitória na raça e Flu campeão.

De lá pra cá, não me interessei muito pelo seguimento do Carioquinha de Eurico e Rubinho. Não consigo ter nenhum entusiasmo mais por esse campeonato. Aff!!! Até tento, mas nem os clássicos me motivam.

Assim foi também nessas fases arrastadas da Copa do Brasil... que somente daqui alguns meses vai começar a tomar alguma cara de Copa Nacional.

Mesmo assim... dei uma olhada aqui, outra ali, mais pra sacar o que o Levir poderia buscar de novo para o Brasileiro. E, claro, pra acompanhar bem de perto a evolução do Dom Fredon.

Levir prestigiou o capitão após sua saída (para o Atlético-MG, São Paulo, Palmeiras e Inter né, Joana de Assis...rsrsrs) e nos últimos jogos deixou o artilheiro os noventa minutos em campo. Sabia que a bola começaria a entrar.E já começou!!! Dois gols na Ferroviária no jogo de ida, um no jogo de volta, e outro na estreia do Flu contra o América-MG no Independência. Tudo superado. Dois grandes nomes do futebol brasileiro estarão a serviço do FLUZÃO para o resto da temporada.

Gostei do jogo contra o campeão mineiro e que não perdia no Independência há 16 jogos. Esquema ofensivo, jogo eletrizante com chances lá e cá, e vitória do Flu no final.

Achei a defesa segura. Henrique, apesar de duas falhas mais sérias, ainda vai dar alegrias e ser referência no elenco TRIcolor. É o defensor que tem melhor passe, vai bem na bola aerea, sai jogando bem pelo alto e tem uma coisa que valorizo muito em sua vinda para o Flu: Escolheu vestir a nossa camisa preterindo a do rival, que em desespero final, para atender um pedido do Muricy, enviou representante à Itália e fez a mesma proposta do Flu para levar o zagueiro para a Gávea. Ta oscilando pela longa inatividade, mas vai chegar lá!!! E Levir já enxergou isso. Foi assim também com o primeiro no do Cavelieri na sua volta ao Brasil.

Temos o problema na lateral esquerda, que Wellington Silva faz o que pode para ir suprindo essa deficiência. Esforço não falta, e como os reservas estão bem abaixo, vamos apoiando a entrega do atual titular improvisado.

Edson!!! Esse parece que vai acordando de novo e começando a recuperar espaço e importância para o time. Cícero foi bem defensivamente, fez o que pode jogando mais atrás e deu conta do recado.

E o ataque...

Marcou na frente e se desdobrou enquanto teve pernas. Oswaldo ainda irregular, mas melhorando e dando ótimas arrancadas em velocidade.
Richarlisson procurando seu ritmo, com o vigor já conhecido e Scarpa com a regularidade de sempre.

Já o Fred...

Voltou a decidir, se movimentou mais, buscou o jogo... e prestigiu a garotada do elenco. Como disse o Levir após o jogo, fez o que um líder deve fazer. Mas... ainda vai evoluir física e tecnicamente com a sequência de jogos.

Bora Capitão!!!

#juntossomosmaisfortes

E temos sim, boas opções que serão usadas na hora certa. Magnata já mostrou utilidade na Primeira Liga e vai ser o substituto eventual do Fred quando o Filé acenar com aquela poupadinha na hora certa. Marcos Júnior entra bem quando o gás do Oswaldo acaba – fez assim o gol do título -, Douglas vai ser usado quando voltar com mais um pouco de rodagem da seleção sub 20 e Marlon e Renato Chaves podem jogar a qualquer momento.

As já conhecidas necessidades de reforços para o meio e lateral serão atendidas. E antes que todos comecem a reclamar dos reforços chutados pela mídia, apenas o Maranhão está realmente encaminhado. E, é bom que se diga, com total aprovação do nosso treinador.

De resto, jogador que vai chegar pra lateral e meio... por enquanto é tudo chute.

Já me preparo para a nossa estreia em Edson Passos, provavelmente contra o Grêmio na sétima rodada. O gramado estará legalzinho e mais de dez mil TRIcolores estarão lá apoiando NOSSO FLU e fazendo o adversário sentir bem de perto a pressão da nossa torcida.

Vamos buscar o G-4 e voltar para a Libertadores em 2017.

E se você duvida, fique em casa e apareça só no final pra comer o filé.

Tem problema não, faremos o trabalho duro de apoiar e dar força ao time agora nos momentos mais difíceis.

No final, todos os TRIcolores serão muito bem vindos.

“Desde que eu nasci,
Te acompanhei...
Fluminense eu sei,
Até a morte
Contigo estarei”

Beijinhos TRIcolores!!!

-


 
Desculpe, não há artigos no momento.
  


Copyright (c) 1998-2017 Sempre Flu - Todos os direitos reservados